Blog

Novidades do mercado mundial de tecnologia

Informação precisa e sem rodeios 

Kony

Essa empresa vem surpreendendo com sua campanha de marketing. A apresentação de seus produtos e serviços costuma deixar os espectadores com uma ótima impressão. A Kony é jovem: fundada em 2007 tem apenas mil aplicativos publicados.

Na prática, a solução nada mais é do que uma oferta de uma arquitetura híbrida montada com padrões WEB utilizando a linguagem Javascript, com uma boa oferta de “templates” de aplicativos pré-fabricados, ferramentas de prototipação em HTML, tudo isso muito bem integrado a uma plataforma de publicação, análise e monitoramento.

Na documentação desse produto a empresa informa que sua estratégia é multi-arquitetura, permitindo entregar também aplicativos nativos. Isso não é verdade, pois nessa modalidade a entrega do aplicativo é formada com um contêiner com um interpretador Javascript, a linguagem de programação do aplicativo é totalmente Javascript e em nenhum momento esse código é transformado ou compilado para código nativo.

A abordagem contempla o uso do Kony Visualizer para prototipação de interfaces gráficas em HTML/CSS, o Kony Studio para desenvolvimento de aplicativos utilizando Javascript, o Kony Management para gerenciar a "entrega" dos aplicativos e o Kony MobileFabric para a disponibilização de serviços básicos de backend.

Foram classificados no quadrante “líder” porque possibilitam um ciclo de vida completo de desenvolvimento de sistemas (SDLC), do desenvolvimento ao gerenciamento corporativo de mobilidade (EMM). Sua adoção está em franca expansão, mas é uma tecnologia que permite seu uso até onde chegam suas limitações, e essa abordagem costuma ficar muito cara conforme a complexidade de desenvolvimento ou a quantidade de uso dos aplicativos aumentarem.

Leia mais em: